31 outubro 2014

A adolescente que inspirou “O Exorcismo de Emily Rose”


Antes de tudo quero dizer que estou muito feliz por ter chegado aos 200 seguidores, e logo após a minha volta, muito obrigado mesmo e espero que o blog continue crescendo ainda mais.

Com certeza vocês hoje já devem ter visto dezenas de posts relacionados a gênero de terror, hallowen e pá. Mas diferente de alguns desses posts, hoje eu trago pra vocês a história da adolescente que inspirou o filme "O Exorcismo de Emily Rose", que muitos de vocês já devem ter assistido, ou não. Encontrei esse artigo no site MEGA CURIOSO e quero dizer que eu achei super interessante e resolvi compartilhar com vocês, bom o artigo é um pouco grande mas eu trouxe apenas uma parte dele, então se vocês quiserem conferir o artigo completo deixarei o link no final desse post.



"O Exorcismo de Emily Rose" é sem dúvidas um dos filmes de terror mais fortes de todos os tempos. O que você talvez não saiba é que ele foi feito inspirado na história de uma jovem chamada Anneliese Michel, nascida na cidade alemã de Leiblfing em 1952 e morta em Klingenberg em Mainque, em 1976. 

Foi aos 16 anos que Anneliese começou a apresentar sérios problemas de comportamento. A família
da jovem procurou ajuda médica – ela já tinha um histórico de distúrbios mentais e epilepsia –, mas nenhum tratamento resolveu a situação e, depois de algum tempo desenvolvendo comportamento agressivo, rasgando roupas e até mesmo defecando em público, Anneliese disse a sua família que estava possuída por espíritos demoníacos e implorou por ajuda. [...]


Assustados, os pais da jovem conseguiram autorização com o bispo da cidade e, com a ajuda de um padre, passaram a realizar exorcismos consecutivos – foram 67 rituais em nove meses de tratamento religioso, de acordo com Elizabeth Day, que escreveu sobre o assunto no TelegraphO processo resultou na morte de Anneliese, desnutrida e desidratada, pesando pouco mais de 30 kg, em 1976. [...]

É isso galera, eu fiquei super impressionado com a história,e como eu disse, trouxe só um parte do artigo, pois ele é um pouco extenso. Confira a história completa aqui [www]. 
Por hoje é isso que tenho pra vocês, comentem abaixo o que acharam, se já conheciam a história etc. Até o próximo post.

FOLLOW ME ON TWITTER: @wh0marc

26 comentários:

  1. Nossa ela morreu com somente 24 anos? Realmente é uma história bem trágica, dá para entender porque inspirou um filme.

    thoughts-little-princess.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, não é a toa que foi a inspiração pra um filme tão conhecido como ele é

      Excluir
  2. Gente do céu... eu nunca vi o filme, mas uma prima minha comentou hoje mesmo que parece que a menina foi possuída por 7 ou 8 demônios... tenho pavor de filmes assim, baseado em história real, ai é que eu não vejo mesmo e_e
    Beijoos ♡ || Caramelos Encantados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, precisa ver, é bem interessante
      e admito que é um filme forte

      Excluir
  3. Esse filme é muito forte. Eu já assisti duas vezes
    e sempre que assisto fico com medo. -Er..
    Xoxo' <3

    Não sou uma It | Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já eu não fico com tanto medo assistindo
      à filmes de terror, kkkk, acho tão legal

      Excluir
  4. Acredita que nunca assisti esse filme? hahahaha
    E olha que adoro filmes de terror e tal, mas nunca parei para ver mesmo. Agora fiquei com vontade. :(
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oqqqq? mas gente, não acredito, muito bom esse filme, você tem que assistir já que, assim como eu, curte filmes de terror.

      Excluir
  5. Eu também nunca assisti esse filme heheh você não está sozinho kk. Ela morreu jovem né? Dizem que a menina que interpretou ela no filme também já morreu né.

    Abraços, Guilherme
    http://omeu-diva.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu não sabia dessa que a menina que fez o papel dela morreu, não sei, aho que não, vou pesquisar haha

      Excluir
  6. Oii,

    Eu sou a que não assistiu HSUAHSUAHSUA. Sou super, mega, blaster medrosa. Não conhecia justamente por ter medo e não ir atras. Mas gostei de saber mais.
    Que final triste :(

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, não sei porque vocês tem medo de filme de terror, kk.
      pois é, é um final bem triste mesmo

      Excluir
  7. Morro de medo desses filmes...
    Mas sempre que acaba lendo algo sobre a "história verdadeira" tenho a impressão de que os espíritos demoníacos eram na verdade pertubações mentais... e as pessoas antigamente não tinham essa noção... Triste!

    Bjos
    JuJu
    asbesteirasquemecontam.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já eu sou fascinado por filmes desse gênero, e quando leio algo relacionado a "historia verdadeira" ai fico com mais vontade ainda de assistir mais e mais vezes..

      Excluir
  8. Não gosto de filmes de terror mas achei bem interessante a história. Não conhecia e nunca assisti kk (sim, sou medrosa)
    bjss


    http://apenasumdiariovirtual.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha tem que assistir, é só um filme --ou não-- kkkk

      Excluir
  9. Nossa, que trágico. Adorei o post, realmente não sabia disso.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Eu ja sabia que ele foi inspirado em uma história real e isso deixa o filme mais pavoroso do que já é. :/
    Eu já assisti e morri de medo.

    Beijos
    Fanpage | Instagram
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade, deixa o filme bem mais pavoroso hahaha

      Excluir
  11. Oiê, eu ainda não tinha conhecido essa história. Antigamente, muitos problemas psicológicos eram vistos como loucura e possessão demoníaca.
    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu também não conhecia a história, quando eu li eu meio que gelei kkahdashda

      Excluir

Regras:
- Tá seguindo este blog? avise e deixe o link de seu blog que irei retribuir.
- Se você acha que eu estou plagiando. AVISE e conversaremos educadamente.
- Nada de palavrões

Obrigado por comentar!